Daily Motivator,  Frases do dia,  Pensamento do dia,  Sonhos e devaneios

30 coisas que você deveria saber aos 30

Hoje é um dia muito especial para mim. É uma semana especial, de um mês especial. De um ano especial!! 😉

Lulu no Pais das Maravilhas 5

Completo 30 anos no País das Maravilhas e não poderia estar melhor. Sabe aquela dúvida que temos sobre como seremos no futuro? Então, foi tudo embora agora. Estou mais feliz e realizada do que nunca, cheia de fé, ao lado do meu amor e em paz comigo mesmo. Relembrando um das frases famosas de um dos vídeos da sábia Louise Hay, “este ano será o melhor ano da minha vida”. Desde que comecei pensar assim, tudo mudou.

Voltei até onde consegui na linha do tempo das minhas comemorações de aniversário e estranhamente, consegui seguir até 4 anos atrás. Depois, vem um branco, ou melhor, um buraco negro. Não consigo dizer ao certo onde eu estava ou com quem estava, mas posso dizer que, pela cronologia, foi uma época difícil. Depois lembrei mais lá atrás ainda, quando meus pais faziam festas e mais festas de aniversário para gente. Ops, me parece que os bons tempos estão de volta, porque nesse fim de semana em Bh, lá vamos nós de novo, fazer uma festa animada para receber amigos 😉 Algumas coisas nunca mudam, ainda bem, né?!

Outras mudam. E muita, mas muita coisa méeeeesmo  rolou desde que eu era uma bebezinha gorducha de micro pés estilo pão seven boys. Os pés continuam os mesmos, (!), mas a bebê cresceu, emagreceu e se jogou pela janela (e voou…meio torto no começo, mas já era alguma coisa 😉 ). De lá para cá, foram muitos ups and downs, mas o que realmente marcou a diferença das boas lembranças foi o reencontro romântico e inesperado com a fé.

Lulu no Pais das Maravilhas

E entre muitas viagens, muitos negócios, muitos romances e amizades, muitos casos hilários e outros nem tanto, alcancei a inestimável “sabedoria” dos 30. Para formalizar o marco, escrevi uma lista do que considero mais importante saber ( e,de preferência, entender) em algum momento da sua vida. Se você ainda não chegou aos 30 e já se ligou de alguns desses pontos, acho que você está no caminho certo. Se você já passou dos 30, reserve pelo menos os próximos 5 minutos do seu dia para avaliar os pontos a seguir

Vale lembrar: listas não são receitas de sucesso. Elas são apenas um jeito fácil e organizado de expressar idéias e nesse caso específico, idéias minhas, baseadas na minha experiência de vida até aqui. Eu sou apenas uma menina, mulher, menina, feliz da vida. Dito isso, divirta-se:

1) Saber apreciar a chuva. E nada como viver um período de seca pesado, como este dos últimos meses em SP e em grande parte do país, para entender completamente que a chuva significa, sobretudo, a vida. E quando as primeiras gotas que começaram a cair se transformarem, de uma maneira convincente, em uma chuva de verdade….é preciso saber sorrir agradecido.

2) Descobrir que você nunca perde por tentar. A coragem de tentar quantas vezes forem necessárias, até que as coisas se ajeitem e “deêm certo” é, talvez, o maior talento que se pode ter. E se você não tem, comece agora a desenvolvê-lo. Pense novamente e, tente novamente.

3) Deus existe e está dentro de nós, operando milagres em nossa vida, 24 horas por dia. Uma idéia boa, um final feliz, um encontro inesperado, a força de vontade que vem das entranhas e um sorriso inexplicável no rosto, são todos presentes que Ele manda para gente, constantemente.

4) Arriscar muito até os 30: Preto no branco? Se joga. Não tem filhos, nem familiares dependentes, nem empréstimos para os próximos 20 anos que te segurem nesta fase. A hora é agora!

5) Acreditar que vai ser mais assertivo após os 30: Nessa altura, se você arriscou bastante, vai ter errado bastante, então você já sabe o que não funciona. Pare, avalie e tente de novo, com mais sabedoria.

6)Criar um gato. Sem maiores explicações, acho que é válido saber lidar com criaturas que vão e vem e muitas que só se aproximam para comer e receber carinho.

7) Entender o valor inestimável da família. Clichê e super válido. Se preciso, faça os ajustes necessários porque toda família é louca de perto. Converse até chegar no melhor ponto que podem chegar. E lembre-se: cada um tem sua limitação, mas normalmente estão todos fazendo o seu melhor!

Lulu no Pais das Maravilhas

8) Aceitar ajuda. Demorei para entender isso 100% na minha cabecinha dura, mas quem ajuda vai ser ajudado quando precisar É a lei da vida, lei do universo, aquela famosa lei do dar e receber. E acreditem, funciona todas as vezes. Saiba aceitar e agradecer!

9) Saber receber elogios: Seja elogio sobre sua roupa nova, seu trabalho eficiente, seu corpo depois da dieta, sua comida saborosa. Saber receber elogios é, antes de tudo, aceitar que você merece aquele elogio. É preciso acreditar que você pode ser isso tudo aí que a outra pessoa está falando. E ser a maior fã de si mesmo.

10) Nem sempre você vai salvar as pessoas, mas vale a pena tentar (e saber a hora de parar). Opa, essa é boa. Atenção: se você é uma dessas pessoas que sempre tem um parente ou um amigo em uma situação difícil e você sempre está ali disponível, sofrendo com ele, sugerindo as mesmas coisas e ouvindo as mesmas reclamações….é hora de mudar. Se você já tentou, já ouviu, já consolou, já sugeriu e nada…bom, pelo menos você tentou. É hora de seguir em frente: na maioria dos casos, este tipo de relação é altamente perigosa para quem fica de ouvinte. Aí, bola para frente e tente ajudar a próxima pessoa que, nessa altura, deve ser você mesmo.

11) Escolher melhor suas companhias. Sintonia pura. Seja sempre alto astral para manter convivência com aqueles que também valorizam a arte de ver sempre o copo cheio.

Lulu no Pais das Maravilhas

12) Amar a si mesmo. Como você pretende amar o próximo (pai, mãe, marido, amigos) se não se ama? Se está no quebra-pau com todos ao seu redor, pare e avalie. Você deve ter que aprender a se amar mais. Assim, seja paciente, perdoe suas falhas, reconheça seus esforços, trate do corpo e da mente, e por aí vai…

13) Ver a beleza em um rosto envelhecido. O jovem é lindo, com certeza, com suas bochechas altas e rosadas, sem rugas, pele clara e sem manchas, pescoço rígido, boca carnuda (peguei isso tudo depois de uma conversa com meu dermato novo, que tentou me vender mais um tratamento de pele facial….oh, not again.!). Mas, pode ser lindo e vazio. Agora quando você olha para rugas da sua vovozinha linda (eu tenho uma!) ou do seu vovozinho bravo e fofo tipo cão-que-late-não-morde (também tenho um!), aquilo sim é beleza. As rugas são rios de história. Cada caso repetido, cada música antiga cantada por eles, cada gargalhada gostosa, isso sim é vida. E a vida é bela!

14) Entender que a vida em 2 é melhor do que em 1

Lulu no Pais das Maravilhas 6

15) Viver o amor, em sua plenitude. Amor é sempre bem-vindo. Amor a família, ao companheiro, a Deus…aceite o amor ao seu redor e pratique-o todo dia.

16) Valorizar mais o que você pensa (e menos o que dizem as pessoas): Ser feliz (de verdade) não é tão fácil e exige bastante coragem. A gente cresce e se acostuma a viver, em tempo integral, ouvindo o que os outros têm a dizer. Só que, na maioria dos casos, a opinião deles sobre tal assunto da sua vida, pode ser totalmente irrelevante, destrutiva e desnecessária. Só eu sei o que me faz feliz, então, incomode a quem incomodar, vou seguir em frente com meus pensamentos e sonhos. Este é  o melhor jeito de se livrar do soneto mais tocado em homenagem aos mulheres dos nossos tempo: aquele que você conhece do “tá solteira, tá muito assanhada – finalmente tá namorando – já noivou? -não vai casar? quer é morar junto, imagina!!- e os filhos, cadê?- a boba jogou a vida profissional para o alto e eu sabia que não ia dar certo”  e por aí vai….. Poker face para este pessoal.

17) Ler auto ajuda. Mais um do hall “coisas que eu recriminava e agora pago língua”. Não são todos os livros de auto ajuda que são bons, mas você encontra belas obras inspiradoras que podem servir de verdadeiros muros de arrimos quando o carro estiver sem freio morro abaixo.

18) Fazer caridade. Para mim, é espalhar o amor e praticar o bem. Sempre.

19) Planejar uma viagem. Em todos os detalhes, planejar meeeeesmo. Quando você planeja uma viagem, começa a viajar muito antes do dia do vôo. Onde ir, o que comer, o que você quer ver…é demais!

20) Viajar sem planejar. Imperdível! Você tem que fazer isso, pelo menos uma vez na vida. Se você é control freak total e normalmente, tem que saber (ops, controlar) cada detalhe do que vai acontecer, vai ser um exercício e tanto. Saber reconhecer que as vezes tudo foge do controle e mesmo assim algo de bom pode sair daquela zorra é uma excelente sensação.

21) Tomar decisões e não olhar para trás. O nosso big stress surge, em grande parte, das nossas milhões de micro decisões diárias. São muitas opções do que fazer, o que comer ou vestir, quem responder no whatsapp, como pagar aquela conta e etc e a gente pode chegar na beirinha do abismo. Quando aprendemos a decidir de maneira mais simples e rápida, das menores a maiores coisas, e confiamos que aquela é a melhor decisão, o sofrimento diminui. Aí é acreditar cada vez mais na voz que vem de dentro, porque ela já sabe o que devemos fazer ( fato: mas a gente sempre está falando tão alto que não conseguimos ouvir).

22)Ficar cego de amor. Se entregar, se permitir, unir com o outro. Ah, isso é bom demais!

Lulu no Pais das Maravilhas

23) Saber enxergar o próximo degrau da escada.  Isso já vai te manter no rumo certo. Saiba que os grandes feitos começaram nas pequenas decisões certas.

24) Saber o que quer. Outro ponto difícil, mas extremamente importante. Não precisa saber o que quer para o resto da vida, mas o que você quer hoje, amanhã ou este mês. Comece por aí e logo logo perceberá que está escrevendo o livro da sua vida, em tempo real.

25) Entender que energia é tudo. Então, não seja leviano sobre o assunto. Não desperdice com quem não merece, não compactue com situações degradantes e coloque todo o carinho e fé naquilo que quer!

26) Não importa nem onde, nem quando,  mas porquê. Um coração bom e puro vai passar por todo tipo de provação e ainda assim vai chegar do outro lado, são e salvo.

27) A força do bem é sempre maior. Então mesmo que acordou mega atrasada, dê aquela gargalhada antes de sair de casa. A vibe do dia vai mudar e você não vai sabotar as coisas boas que aquele dia te reserva.

Lulu no Pais das Maravilhas 9

28) Apreciar todo tipo de lugar, todo tipo de música, todo tipo de ser humano.  Eu acredito piamente que podemos ser super felizes na rua, na chuva, na fazenda ou numa casinha de sapê. E, claro, ser super feliz também na prosperidade absoluta. Seja rock ou sertanejo. Dar valor ao o que chega até nós é o melhor jeito de expressar gratidão ao mundo.

29) Aos 30 anos, você pode parecer melhor nunca! Quando olho nas fotos de antes e de agora, abro meu sorriso, mais uma vez! Como o tempo me fez bem! Portanto, nada de derrotismo. Lutar contra tempo nunca vale a pena, é derrota na certa. Vamos caminhar ao lado dele e entender que a felicidade embeleza a gente.

30)  Escolher ser feliz a ser triste. Não é com quem você casa ou o emprego que você aceita. Esta é a escolha mais importante de sua vida.

Lulu no Pais das Maravilhas 7

E aí, já decidiu o que vai ser?

Ei gente, aqui é a Lulu. Sou de família grega e italiana e morei em Santorini. Em 2014, tive o prazer de me casar na ilha de Santorini, lugar mais lindo do mundo! Moro em Amsterdam e viajo todo verão para a Grécia, para realizar o sonho de quem quer casar em Santorini. Pergunte que quiser. 😉

4 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *