Curiosidades da Turquia!!!

Eu estou em Istambul e tenho tanto, mas tanto para contar para vocês que nem sei por onde começar. Vim a trabalho, as always, mas sempre acontecem muitos eventos fantásticos nessas minhas viagens e o trabalho e a canseira ficam mais leves.

Cheguei em uma quinta, dia 19 de abril e trabalhei demais desde então! Fui em uma Feira Têxtil Internacional, em muuuuitas reuniões com fornecedores, conheci o bairro religioso daqui, me hospedei em 3 hotéis até agora, um em cada canto de Istambul, agora estou no lado asiático, em Beyoglu. Viajei para uma cidade chamada Edirne, no norte da Turquia, na fornteira com a Grécia e com a Bulgária para um casamento tradicional turco! E claro, antes do casamento, teve a noite da Henna, uma das coisas mais lindas que já vi!

Então vocês podem ficar de olho no blog, porque assunto não vai faltar, ok!? Falta é tempo, mas devagar devagar vou postando para vocês. Para começar hoje, vou contar para vocês sobre o que aconteceu no mês de abril, na Turquia. Dia 23, é Dia da Soberania Nacional e Dia da Criança. A população inteira da Turquia homenageia o venerado Ataturk, que foi o primeiro presidente do país.

Meu look Cents e os prédios com a bandeira do país

Notaram a bandeira vermelha com a meia lua no fundo? Pois é, os prédios colocaram a bandeira e a foto do Ataturk durante a semana , em sua homenagem.  Nunca vi povo tão patriota igual ao turco. Eles sempre falam o nome do país em quase todos os diálogos, independente do assunto, curioso né!? Não que eu esteja falando e entendendo turco, mas escuto…turkye…turkye…o tempo todo para todo lado!

Na mesma data que se comemora a soberania turca, também é comemorado o dia das crianças. E vi pimpolhos em cada canto, vi burcas empurrando carrinhos de bebê, familía enooooormes andando nas calçadas. O governo incentiva a população a ter pelo menos 3 filhos por casal, acreditam!? E é comum ver um casal com 4 ou até mais pimpolhos correndo ao redor…. Não é a toa que o metrô é tão lotado qualquer hora do dia, e eu que sempre achava que era azarada e pegava o tram na hora do rush!

Meninas posam para foto com roupas típicas

As crianças aqui vivem uma história diferente da nossa. As meninas, porque crescem sem liberdade nenhuma, e muitas nem vão para a universidade (mas isso é um outro post!) E os meninos também passam por poucas e boas. Em um país em que a grande maioria é muçulmana, todos os meninos passam pela tradição do corte (ai!), a circuncisão quando ainda são novinhos. O curioso é que a família faz uma celebração para a criança, com direito a festa, presentes e muita comida boa. E claro, o menino tem toda uma vestimenta especial, tipo uma fantasia de mini sultão, para o dia D. E quando vi esses pimpolhos na rua, me deu um peninha…eu já sabia o que estava por vir!

Eu e os mini sultões

E é assim, aqui em Istambul entre uma reunião de negócios e outra, eu sempre tenho um break para fotos inusitadas. Eita país curioso, tenho muito que aprender ainda para querer entender o que rola por aqui, mas isto já é outro post. Tenho  mais para contar para vocês, mas é melhor eu voltar para o trabalho. Fiquem de olho nas novidades, em breve escreverei mais.  Equanto isso, mais clicks da cidade mais linda do mundo!

Boa semana para todos!

2 comentários sobre “Curiosidades da Turquia!!!

  1. Olá Lulu, boa noite!! Estava procurando alguns destinos para eu fazer uma viagem de 3 meses, estava buscando algumas coisas para aprender destinada a mulheres, para ajudar as mulheres quando chegar ao Brasil. Pensei em aprender danças de diferentes países, para o resgate do poder feminino. Pensei na Grécia, Turquia, África, Egito, India… Não sei se conhece todos esses lugares. Eu iria viajar sozinha.. Pensei em fazer algo relacionado a dança ou então alguma ferramenta de autoconhecimento que apoie as pessoas , não sei se você gosta de dança ou autoconhecimento.. poderia me dar alguma dica da onde ir ou aonde posso aprender dança em algum desses países? Se puder me dar algumas dicas seria ótimo!! Gratidão e parabéns pelo lindo trabalho!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *