EU e Santorini…Santorini e EU!

Hoje é dia de mais um post super lindo e pessoal, que eu escrevi para a comunidade EU AMO A GRÉCIA.  Aqui falo um pouco de mim, um pouco do meu sentimento, um pouco de Santorini. Espero que gostem!

O sábio Heráclito já dizia que um homem não pode passar no mesmo rio duas vezes. A simplicidade da afirmação do grande filósofo de Éfeso (antiga Grécia, hoje Turquia) é tão óbvia que nós faz questionar sua certeza. “Será que mudei tanto assim?” pensava, enquanto olhava para as águas daquele mar azul sem fim que liga todas as ilhas da Grécia. A bordo no Blue Star Ferry rumo a Santorini, estava uma nova versão de eu mesma, acompanhada pela minha mãe. Tinha deixado a ilha há alguns anos. Engraçado que, quando morava em Santorini, tinha muitos pesadelos sobre ter que sair da ilha, porque ela estava explodindo ou afundando. Mas nunca conseguia sair, eu não queria sair. Mas agora que tinha saído e nunca olhado para trás, será que queria mesmo voltar? Eu ainda não sabia como iria me sentir, medo de não sentir aquela emoção tão forte, medo de encontrar alguém do passado, medo de não saber andar na ilha. Medo de que Santorini me repreendesse, por ter ido embora daquele jeito, tão cheio de raiva e ingratidão. Algumas poucas coisas não mudam tanto. A ilha continua com a leve atmosfera, aquele ar que faz alguma coisa com as pessoas quando avistam o porto de Amoudi, na pontinha de Oia. Os gatinhos pela rua. Os vovozinhos nos burrinhos. Os turistas chineses. Algumas coisas mudam muito. A ilha parece mais bonita agora e sua luz parece mais clara. É tão clara que quando refletiu no mar de Perivolos enquanto eu dirigia em direção à praia de Perissa, parecia que o mundo iria acabar ali, de um jeito bonito e especial e eu estava feliz. E quando acabar, vai recomeçar de novo. E que, de preferência, possamos recomeçar de uma maneira melhor. E quando for a hora, nos separar de uma maneira mais amorosa, assim como eu e Santorini fizemos em Outubro do ano passado. E que fique claro: Heráclito estava certo. Não era a mesma eu e não era a mesma Santorini.

Porto de Amoudi Santorini
Porto de Amoudi, Santorini

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *