Dicas Islândia
Islândia,  Viagem,  Viagens

Fogo, rocha e gelo: A Geologia da Islândia

Queridos leitores, já falamos da nossa viagem maravilhosa pela Islândia (para ver os posts clique aqui) mas hoje vamos falar de algo novo: a Geologia da Islândia! E para uma tarefa tão nobre, convidei meu irmão geólogo, Gabriel Sarantopoulos Bergamaschi, para compartilhar um pouquinho do que ele estudou sobre a Islândia antes, durante e depois da nossa viagem. Espero que vocês curtam! Lá vai 🙂

Sem a menor dúvida, a Islândia é um dos lugares mais sensacionais do ponto de vista geológico. A ilha  gelada ao norte do Reino Unido resulta da soma de vários fenômenos tectônicos e sedimentares que deixa o local único e especial.  A Islândia está localizada no limite de placas tectônicas da América e Euroásia e, consequentemente, está cortada por vários conjuntos de falhas geológicos, que por si só já são pontos turísticos.

Dicas Islândia
Eu, entre América e Euroásia

FOGO

A Islândia, além de estar localizada em um limite de placas, também está em cima de um Hot-spot (ponto quente), que é o resultado de uma anomalia mantélica, assim como o Havaí. O efeito, como podem imaginar, é um vulcanismo super ativo. Este vulcanismo é responsável por eventos como os hot-springs (foto das fumarolas) e o aquecimento do subsolo, o que acaba por gerar locais de água subterrânea aquecida (como o Fontana e a Blue Lagoon) e até fervente (geiser)!

Dicas Islândia
Geiser, Islândia
Dicas Islândia Blue Lagoon
Blue Lagoon

ROCHA

Além de gerar catástrofes histórias para o povo local, todo esse vulcanismo também tem a  capacidade de gerar grandes volumes de rocha basáltica e acrescentar massa à ilha. Isso mesmo, a Islândia está em constante crescimento! São estes grandes derrames de basalto que também geram paisagens espetaculares como inúmeras cachoeiras (em contato com rocha velha e rocha mais nova). O resfriamento do basalto também gera uma estrutura singular. As chamadas disjunções colunares chegam a ser um símbolo cultural do povo islandês ( foto da black beach e igreja de Rey).

em Reynisfjara, a praia de areias negras da Islândia
Black Beach, Reynisfjara, a praia de areias negras da Islândia
Dicas Islândia
Igreja de Reykjavik, Islândia

GELO

O personagem mais incrível de todo esse contexto é o gelo. A posição da ilha, quase ártica, faz com que o país seja muito influenciado pelo clima glacial. A ilha possui a maior geleira da Europa e inúmeras outras. Todos elas convivem com os vulcões, os geyser, os hot-springs e é claro, com a humanidade. A erosão e sedimentação glacial criam paisagens espetaculares, como o glacial laggon, ice-caves, diamond beachs, etc.

Dicas Islândia
Ice Cave, na Islândia!
Jokulsarlon Lagoa glacial islândia
Lagoa Glacial, Islândia
Jokulsarlon Lagoa glacial islândia
Jokulsarlon, Lagoa Glacial, Islândia

Não é por acaso que as grandes escolas de geologia da Europa  fazem trabalhos de campo na Islândia. Sorte dos alunos que além de aprenderem muito em apenas um local, conseguem visitar este país lindo!

Abaixo, mais algumas fotos da nossa viagem! 🙂 Ah, e só para deixar claro: nós simplesmente amamos a Islândia! Fizemos a viagem em março, final de inverno 🙂 E queremos voltar mil vezes naquele país! Bjs!

Dicas Islândia
A caminho da Ice Cave
Dicas Islândia
Geyser, Islândia
Dicas Islândia
Termas Fontana, Islândia
Dicas Islândia
Skaftafell, Islândia
Dicas Islândia
Black Beach, Islândia
Dicas Islândia
Skaftafeljikul, Islândia

Ei gente, aqui é a Lulu. Sou de família grega e italiana e morei em Santorini. Em 2014, tive o prazer de me casar na ilha de Santorini, lugar mais lindo do mundo! Moro em Amsterdam e viajo todo verão para a Grécia, para realizar o sonho de quem quer casar em Santorini. Pergunte que quiser. 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *