Onde fazer compras na Itália

Viajar pela Itália, para mim, significa visitar mágicas ruínas pela manhã, comer um delicioso carbonara sentada na praça ouvindo música de rua pela tarde e bater perna para comprar peças fabulosas por um ótimo preço até que a lua suba no céu (e as lojas fechem). A Itália respira e transpira moda, as italianas são conhecidas pelo estilo elegante e charmoso e  as promoções estampam as vitrines das ruas das principais cidades. Ou seja, o país é um templo de perdição para todo lado que se olha, onde é muito fácil ganhar vários quilos e gastar muitos euros logo nos primeiros dias.

Como fiquei um mês viajando pelo país da moda, consegui mapear as melhores oportunidades, de norte a sul da Itália. A região de Florença foi a mais proveitosa para as compras e os outlets e lojas de ruas do centro histórico da cidade são modernos, bonitos e têm um preço animador. Isto se dá porque a cidade de Prato, que está apenas 10 km de Florença, é um dos maiores pólo têxtil da Itália. Assim, quase todas as grifes bacanas italianas e internacionais produzem na região e é possível visitar outlets incríveis e totalmente exclusivos como o da Fendi e do Cavalli e ainda aproveitar os preços das peças que vêm “direto da fábrica”.

E se você está disposto a alugar um carro ou andar de táxi pelas áreas indústrias que não são atendidas pelo transporte público não deixe de conferir os outlets da fábrica de marcas como da Dolce Gabbana e da Prada. Há de se considerar que em euros tudo parece mais barato e que quando a conversão bater na nossa cabeça, vamos sentir que gastamos mais do que podemos. A minha dica é aproveitar para comprar peças especiais e que não chegam facilmente no Brasil, porque jeans e camiseta a gente tem acesso e pode comprar o ano todo, certo?

Ainda ao redor de Florença, para quem curte shoppings maiores e quer variedade de marcas e produtos, minha primeira sugestão é o  “Barberino Designer Outlet”. São muitas as opções de peso para quem quer trocar o museu pelo mall (faça como eu e vá nos dois!)  e aproveitar a exclusividade e ousadia das peças que só chegam e permanecem na Itália. “The Mall” e “Valdichiana Outlet Village” são outras boas opções para quem está na Toscana e pode apresentar descontos de até 70%.

Para quem tem pouco tempo no país e vai passar em grandes cidades como Milão  e Roma, a minha sugestão é conhecer a rede La Rinascente, que tem um pouco de todas as grifes em um só espaço. As lojas estão espalhadas nas principais cidades, por todo o país e sempre vale um passeio rápido, sob a promessa de encontrar óculos, bolsas ou roupas de algum designer escandalosamente famoso por um precinho camarada.

Para quem curte grandes casas, é bom saber que a Prada e a Dolce de Milão têm os melhores produtos, os últimos lançamentos, em uma variedade imensa e não ouso dizer que os preços são baixos. O que está venda é a exclusividade, então pague com dó de seus euros, mas sabendo que o preço da peça será quase o dobro quando ela chegar em vitrines brasileiras, digo isso porque vi acontecendo com um par de óculos que eu adquiri por lá. Estas lojas e de outras grifes renomadas são muito bem localizadas e fáceis de achar, na Galleria Vittorio Emanuele, ao lado do Duomo e nas ruas ao redor do famosa praça, bem no centro histórico.

E claro, se você está em Milão é fã dos melhores designers, o endereço certo é o famoso  e chiquérrimo Quadrilátero do Ouro ou Quadrilátero da Moda. O quadrado formado por quatro ruas de nomes nobres é onde fica localizada a nata da moda italiana e internacional e mesmo que você não tenha a intenção de comprar um vestido que custa mais caro que um carro popular, o passeio é válido e te fará entender porque Milão é a capital da moda.

Se está em Roma e quiser ver algo diferente, vá passear pela a charmosa boutique de desejo da Louboutin. Ela é bem pequenina, escondida mas chiquérrima e dá para entrar no clima glamour total calçando qualquer um dos super sapatos de solado vermelho.

E se você, assim como eu, também for uma pobre mortal que não resiste a boa relação de custo benefício das grandes  lojas de departamentos, aproveite seu tempo em solo italiano. As H & M e a Mango de lá têm peças modernas, com informação de moda super atual e com uma qualidade bem aceitáveis, enfim bem superiores as de outros lugares. E por último, confira as outras lojas que têm itens bacanas, com pegada mais jovem e casual, como a moderninha a OVS e a Alcoott.

Comida saborosa, vinho da casa, doces dos céus, homens charmosos e moda de excelente qualidade me convencem que o que toda mulher precisa para ser feliz é de uma bela viagem pela Itália!

Compras na Itália

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *