Como são as Praias de Santorini, na Grécia?

Queridos leitores,

Vocês sabem que eu sou de família grega, morei em Santorini e casei em Santorini 😉 Frequento a ilha de Santorini há 10 anos! UHu 😉 Então recebo muitas perguntas sobre as Praias de Santorini, principalmente dos leitores queridos que querem ir para a Grécia.

Os viajantes que pensam em ir para a Grécia pela primeira vez sempre querem conhecer Atenas, Mykonos e Santorini, certo? E já conversamos aqui bastante sobre as vantagens e desvantagens de fazer a viagem para a Grécia baseada nesse trio famoso 😉 Se você ainda não sabe se Mykonos é “a sua praia”, dá um corridinha no post Ilha de Mykonos, vou ou não vou?. E se você ainda não está convencido sobre a necessidade de uma viagem para a Grécia, clique aqui para ver muitos posts sobre viagem para a Grécia!

Bom, agora vamos falar das dicas e informações sobre as praias de Santorini. Fiz este post com muito carinho, respondendo as perguntas que vocês me mandam sobre as praias de Santorini 💙 “Lulu, tem estrutura nas praias? Que eu levo na bolsa? Quanto custa? Onde ir, onde comer, só tenho 3 dias…..” e por aí vai….!💗 então, papel e caneta na mão 🇬🇷 Todas as melhores dicas sobre as Praias de Santorini! Onde ir, o que levar, quanto custa e mais 😍💙💗🇬🇷💖💟 Espero que vocês aproveitem as dicas de Santorini! 

Organizei o post com 10 dicas  sobre as praias de Santorini e depois tem o vídeo completo, ok?

  1. Não espere areias brancas e praias tradicionais brasileiras como Bahia e etc 🙂 Também não tente comparar Santorini com Mykonos, Milos, Ios, Zakynthos e outras praias gregas pois Santorini é um vulcão e suas praias são pedras pequenas e lava. Super diferentes mas igualmente maravilhosas 😉
  2. Entenda que a caldeira é aquela parte da meia-lua que fica de frente para o vulcão e lá tem mar mas não tem praia. Ou seja, as famosas vilas de Fira e Oia (Ía) não tem praia!
  3. As melhores praias de Santorini ficam no sul da ilha e no lugar de areias temos pedras! De várias cores 😉 Mas em alguns pontos as pedras são tão pequenas que são “quase estilo areia”, vai….Algumas praias são ligadas por barquinhos 😉

    Dicas praias de Santorini
    Praias de Santorini, Grécia
  4. As praias que você precisa conhecer podem ser divididas em 3 grupos: as negras, as brancas e a vermelha. Vamos lá:

    Dicas praias de Santorini Grécia
    Praias de Santorini, Grécia
  5. Praias de Areias Negras 🙂  Temos  como as principais praias de Santorini as praias de Perissa, Perivolos e Kamari. Minha sugestão: Perisssaaaaaaaaa – é a que eu mais gosto 🙂 descubra por que no meu vídeo Dicas sobre as Praias de Santorini . Mas apesar do meu bairrismo, todas as três praias citadas são excelentes e tem uma ótima estrutura: restaurantes, hotéis, tavernas e lojas de souvenirs. Se você procura beach bars, vá para Perissa ou Perivolos.

    Dicas praias de Santorini Grécia
    Praia de Kamari, Santorini
  6. Praias Brancas, e aí começa uma boa polêmica. Cada nativo e cada marketeiro vai colocar o nome de tal praia de “branca” mas a verdade é que tudo que não é praia negra como Perisssa, é meio branca e elas estão localizadas em algumas partes da ilha. Um excelente exemplo de praia branca é a Praia Eros, do beach bar Theros, que tem uma excelente infra e é um local maravilhoso para passar o dia em Santorini. Outra sugestão é a praia de Vlyxada ou do Limanaki.

    Dicas praias de Santorini Praia Vermelha
    Vlyxada, Praias de Santorini, Grécia
  7. A famosa Red Beach, a Praia Vermelha de Santorini é um dos meus locais favoritos no mundo. Mas eu sou uma pessoa estranha e não vá até lá com enormes expectativas de passar o dia na Praia Vermelha, e do vermelho ser cor de vermelho sangue, tá? A Praia Vermelha é uma perfeita amostra do que é Santorini: selvagem, instável e maravilhosamente bela. As fotos não conseguem, nem de longe, tramsitir a atmosfera do local. Dica: vá de manhã, bem cedo, ou no final do tarde, apenas para ver o local e tirar algumas fotos. Evite o meio dia e os ônibus lotados de turistas chineses #nadacontra

    Dicas praias de Santorini Praia Vermelha
    Praia Vermelha, Santorini, Grécia
  8. Outras praias em Santorini que valem uma visita: a praia da caldeira ou Caldera Beach, para uma visita tranquila, para um café frappé gostoso ou para um mergulho. E a Praia de Monolithos, para comer no restaurante que eu amo – Mario’s .

    Dicas praias de Santorini Grécia
    Caldera Beach, ilha de Santorini, Grécia
  9. Não deixe de conhecer os beach bares tops de Santorini: Demilmar, em Perissa, JOJO e Chili em Perivolos, Theros em Vlyxada. Comida boa, música excelente e muita animação na alta temporada!
  10.  E digo mais, se você vai fazer a viagem para a Grécia na alta temporada, pense em ficar hospedado em Perissa 😉 onde tem um centrinho com lojas, restaurantes, e tudo que você precisa e o melhor, tem alquela praia maravilhosa 24 horas por dia! Ah, e os preços são muito mais atrativos do que os hotéis da famosa Fira e Oia. Eu, todo ano, fico hospedada em Perissa!

Aqui posto para vocês o meu vídeo do Youtube com Dicas sobre as Praias de Santorini, Grécia! Tem muitas outras informações sobre a minha ilha favroita nesse mundo, Santorini 🙂 Espero que vocês curtam o post e o vídeo e que possa inspirar muitas viagens para a Grécia! Mil beijos!

Todas as contradições de uma vida na ilha grega de Santorini

Sobre as contradições que envolvem uma vida em Santorini
Quando piso em Santorini, meu coração se alegra, pula entusiasmado assim que enxergo o vulcão. E no segundo seguinte, ele se quebra, espatifa em mil pedacinhos porque me lembro que a vida aqui pode ser boa, maravilhosa, mas que na maioria das vezes é muito difícil se comparada a vida em outros cantos do mundo. Minhas amigas do Brasil vivem a perguntar: “não quer voltar a morar em Santorini?” enquanto minhas amigas gregas que moram aqui dizem “Ainda bem que você foi embora! Queria ir também! Ver o mundo, viver a vida…aqui é difícil, você sabe como é.”

Sim, eu sei como é. Senti na pele todas as dificuldades que os turistas nunca poderiam imaginar, ouvi coisas que quem sonha em morar em Santorini nunca aguentaria ouvir. A vida aqui é dura, gente, e conviver com as peculiaridades das tradições locais e com as limitações malucas de uma ilha que na verdade é vulcão no meio do mediterrâneo não é mole!

Mas ainda assim, digo sem pensar duas vezes: Amo Santorini e vou voltar sempre que puder 😉 Amo o cheiro da ilha, que as vezes é um aroma de comida saborosa nativa, (tomatokeftedes, amo!) e outras vezes é o cheiro forte do fogo, da brasa, que queima nas varandas das vilas traidicionais ou nas praias, quando os nativos fazem seus churrascos santorinhós. O cheiro do vulcão, da caldeira de Fira, da praia de Perissa me acompanha, enquanto a música de Santorini faz sua parte para tornar o cenário o mais louco e mágico possível. O Rádio toca as canções mais sofridas da Grécia, mas só toca quando quer, porque o sinal não é constante. Já a música inebriante e romântica da caldeira embala os corações apaixonados, em jantares sofisticados e vistas de arrepiar. E claro, falando em arrepio, lembro-me do barulho assustador e altamente familiar que rompe as noites do sul da ilha, seja na praia de Perissa, Perivolos ou Agios Giorgis, ou na vila de Eborío ou Megalochori. O Vento que leva tudo, derruba as cadeiras e faz a gente acordar no meio da noite achando que o mundo vai acabar antes do amanhecer. Enquanto isso, a neblina cobre a lua cheia na vila de Firá e cenário mais belo e assutador não há! E se não temos terremoto hoje, vamos curtir, porque amanhã – só Deus sabe!

É essa Santorini que eu amo: a Santorini das contradições, dos locais mágicos e românticos, dos nativos tradicionais e complicados, das limitações e vistas maravilhosas. Um lugar onde o belo e o feio se trombam e se encontram a cada minuto é exatamente onde eu sinto EU. Afinal, para quem é metade grega, metade brasileira, nada mais apropriado do que um lugar que se aproxima e se afasta a cada instante, num bailar eterno das placas tectônicas!

E Deus sabe o que faz, como sempre 😉 Se fosse fácil viver em um local mágico como esse, o mundo inteiro mudaria pra cá 😉 Mas as maluquices de Santorini são para poucos e quando o verão vai embora, os que só querem ver o lado belo da vida, também vão. No inverno, ficam os loucos, os passionais, os insanos, os que entendem a beleza negra da ilha de Santorini!

Ella Santorini – Sagapau Poli kai ego eimai palli! 😉 Algumas fotos novas para vocês entrarem no clima!

vida em Santorini
Lulu em Santorini

vida em Santorini

vida em Santorinivida em Santorini